Contato Vip


A Revista Contato VIP circula desde 1993 na região norte do Rio Grande do Sul, sediada em Carazinho. Em 2014 foi iniciado um projeto expansão, e hoje a revista circula também em Passo Fundo, Marau e demais cidades da região norte do Estado. Há mais de 25 anos mostrando o lado bom da vida!

Matérias do autor


3 de março de 2020

Serviço de Hemoterapia do HSVP comemora 9 anos e lança campanha de doação de sangue


Na tarde desta segunda-feira, 2 de março, o 5º andar do Hospital São Vicente de Paulo foi palco da comemoração do aniversário de nove anos do Serviço de Hemoterapia. O Serviço está em funcionamento desde março de 2011, e atua com uma equipe multidisciplinar composta por médicos hematologistas e hemoterapeutas, enfermeiros, técnicos de enfermagem, biólogos, bioquímico-farmacêuticos, biomédicos, assistente social, auxiliares de banco de sangue, pessoal administrativo e técnicas de nutrição.

De lá para cá o trabalho cresceu e se desenvolveu muito, mas ainda é preciso conscientizar a comunidade sobre a importância da doação de sangue. Por isso, neste ano, foi lançada a campanha que tem como símbolo um trevo de quatro folhas – e que chama a atenção para a doação de sangues raros. Segundo o boletim informativo do Serviço de Hemoterapia, o trevo foi escolhido para ser o símbolo da campanha pela sua raridade, afinal, os trevos geralmente possuem três folhas e a quarta folha é o resultado de uma mutação rara: apenas 1 em 10.000 trevos tem quatro folhas. Essa característica também é associada ao nosso sangue, que também é precioso e raro, já que dependemos da generosidade de uma pessoa para ser doado e oferecido aos pacientes que precisam.

Segundo a Hematologista e Responsável Técnica do Serviço de Hemoterapia, Dra. Cristiane Rodrigues do Araújo, os tipos sanguíneos mais importantes são: A, B, AB e O, que se subdividem em Rh positivo (+) e negativo (-). Dentre esses grupos sanguíneos, ainda existem outras especificidades que determinam qual sangue podemos receber em caso de uma transfusão. Em geral conhecemos apenas as expressões sobre grupo sanguíneo “classificação ABO e RhD”, contudo, existem na atualidade mais de 36 sistemas de grupos sanguíneos sendo os citados envolvidos na imuno-hematologia básica.

Esses grupos são chamados de “sangue raro”, e assim como os trevos, são difíceis de serem encontrados. Desde 2017, o Serviço de Hemoterapia do HSVP intensificou os estudos e trabalhos nessa área e em 2020, para destacar o tema, explicar e reforçar ainda mais a importância da doação de sangue para a comunidade, lança a campanha “Quando não existe doador, todo o sangue é raro!”. A campanha ajuda a intensificar a discussão e também evidencia todos os grupos sanguíneos e o valor do gesto de doar sangue.

Fotos: Daniel Tatsch



Veja também